Vídeos educativos

Loading...

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

MÚSICA NA PEDAGOGIA..."As três Pedagogas em Ritmo Musical"



Neste blog você poderá encontrar propostas criativas de como utilizar a música no contexto pedagógico.
Proporcionando aos alunos, aulas diferenciadas e divertidas como toda criança merece! E também facilitando a prática pedagógica dos professores, frente a diversidade de textos e conceitos de habilidades de ensino na escola como espaço para a construção de aprendizagem, e socialização de novos conceitos de atividades educacionais, que fazem parte na construção harmônica e extruturada para memorização de conhecimentos prévios propostos.
Estaremos publicando neste blog textos de músicas e atividades variadas que poderão ser utilizadas nas séries iniciais, que possam abranger todas as disciplinas desta categoria, sistematizando o aprendizado com textos que se sabe de cor: como canções e cantigas de rodas em situações didáticas que se aprende a linguagem escrita.


MÚSICA

SAPO CURURU
Sapo - cururu,
Na beira do rio.
Quando o sapo canta, ó maninha,
É porque tem frio.

A mulher do sapo
Diz que está lá dentro,
Fazendo rendinha, ó maninha,
Para o casamento.

Folclore.










A GALINHA DO VIZINHO

A galinha do vizinho
Bota ovo amarelinho,
Bota um,
Bota dois,
Bota três,
Bota quatro,
Bota cinco,
Bota seis,
Bota sete,
Bota oito,
Bota nove,
Bota dez.




O CRAVO E A ROSA

O Cravo brigou com a rosa,
Debaixo de uma sacada.
O cravo saiu ferido
E a rosa, despedaçada.
O cravo ficou doente,
A rosa foi visitar.
O cravo teve um desmaio,
E a rosa pôs-se a chorar.

Folclore.




SE ESTA RUA

Se esta rua, se esta rua fosse minha
Eu mandava, eu mandava ladrilhar
Com pedrinhas, com pedrinhas de brilhantes,
Para o meu, para o meu amor passar.








BORBOLETINHA

Borboletinha tá na cozinha
Fazendo chocolate para a madrinha
Poti, poti perna de pau
Olho de vidro
Nariz de pica-pau
Pau, pau!








A Canoa Virou

A canoa virou,
Deixá-la virar,
Por causa (nome da pessoa)
Que não soube remar
Se eu fosse um peixinho
E soubesse nadar,
Tirava (nome da pessoa)
Do fundo do mar.











Meu Limão

Meu limão, meu limoeiro
Meu pé de jacarandá,
Uma vez tindolelê,
Outra vez tindolalá.









Pézinho

Ai bota aqui
Ai bota aqui o seu pézinho
Seu pézinho bem juntinho com o meu (BIS)
E depois não va dizer
Que você se arrependeu ! (BIS)







Peixe vivo


Como pode o peixo vivo
Viver fora da água fria
Como pode o peixe vivo
Viver fora da água fria
Como poderei viver
Como poderei viver
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia
Os pastores desta aldeia
Ja me fazem zombaria
Os pastores desta aldeia
Ja me fazem zombaria
Por me verem assim chorando
Por me verem assim chorando
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia
Sem a tua, sem a tua
Sem a tua companhia




Aquarela

Numa folha qualquer eu desenho um sol amarelo e com cinco ou seis retas é fácil fazer umcastelo. corro o lápis em torno da mão e me dou uma luva, e se faço chover, com dois riscos tenho um guarda-chuva. Se um pinguinho de tinta cai num pedacinho azul do papel, num instante imagino uma linda gaivota a voar no céu. vai voando, contornando a imensa curva norte e sul, vou com ela, viajando, havai, pequim ou istambul. pinto um barco a vela branco, navegando, é tanto céu e mar num beijo azul. Entre as nuvens vem surgindo um lindo avião rosa e grená. tudo em volta colorindo, com suas luzes a piscar. basta imaginar e ele está partindo, sereno, indo, e se a gente quiser ele vai pousar. Numa folha qualquer eu desenho um navio de partida com alguns bons amigos bebendo de bem com a vida. de uma américa a outra consigo passar num segundo, giro um simples compasso e num círculo eu faço o mundo. Um menino caminha e caminhando chega no muro e ali logo em frente, a esperar pela gente, o futuro está. e o futuro é uma astronave que tentamos pilotar, não tem tempo nem piedade, nem tem hora de chegar. sem pedir licença muda nossa vida, depois convida a rir ou chorar. Nessa estrada não nos cabe conhecer ou ver o que virá. o fim dela ninguém sabe bem ao certo onde vai dar. vamos todos numa linda passarela de uma aquarela que um dia, enfim, descolorirá. Numa folha qualquer eu desenho um sol amarelo (que descolorirá). e com cinco ou seis retas é fácil fazer um castelo (que descolorirá). giro um simples compasso e num círculo eu faço o mundo (que descolorirá)




SUGESTÕES DE ATIVIDADES

OBA! CAÇA PALAVRA

B A G A L I N H A K N
K L S T Y M N P G S M
V A M A R E L I N H O
I R S Q U A T R O W L
Z T E L S B I S A T P
I Z T Y W O G X D S Z
N G E P Z T N O T G W
H J M K L A Y K L A I
O K N R M S F W T O S


GALINHA, BOTA, VIZINHO, AMARELINHO, QUATRO, SETE



2) Utilizar o desenho da música se esta rua fosse minha, pedir para as crianças observar todos os detalhes e a partir desta construir uma história


MÚSICA: O CRAVO E A ROSA

Ápos cantar a música o professor poderá fazer intervenção relacionado a canção perguntando a eles;

a) Com quem o cravo brigou?
b) Onde eles brigaram?
c) O que aconteceu com o cravo?
d) Como ficou a rosa ?


4) Música: A CANOA VIROU

Ápos cantar a música o professor poderá fazer intervenção relacionado a canção perguntando a eles;

a) O que aconteceu com a canoa?
b) Foi por causa de quem que a canoa virou?
c) Qual e o lugar que queriam tirar a Maria?
d) Como Maria é?



pinte o desenho e descubra as palavras contidas, começadas com:



L -----------------------

S -----------------------

F ----------------------






6) Escreva como souber a Música Borboletinha:

--------------------------------------------------

--------------------------------------------------

-----------------------------------------------





7) Sugestões eventuais:



* Música ( cantar em roda )

* Quadro de artes ( ilustração da música )

* Reescrever

* Descrição oral

*Paródia ( produzida entre professor e aluno )

* Transcrever a música, sendo em forma de texto com a intervenção do professo

* Culinária ( Confecção de bombons com a música Borboletinha ).



ATIVIDADE



8) MÚSICA: AQUARELA


* O professor junto com os alunos cantar a música;


* Logo ápos fazer um breve comentário sobre a música aquarela;

* Pedir que os alunos façam a ilustração da música


ATIVIDADES






























































A Música na educação, nos conduz a um caminho pessoal no processo de ouvir, pois faz compreender e interpretar o sentido da música. Trazendo harmonia sensibilidade e uma imaginação, que nos leva um conceito educacional nas praticas interdiciplinares. Contribuindo para uma educação completa tendo a missão de levar o ser humano a desenvolver seu potencial e assim desempenhando uma autenticidade mais concreta na sociedade em que vivemos. Transmite as pessoas uma paz interior pois quando e tocada seja para os adultos jovens e crianças tem um sentido, em resgatar para alguns alegria e para outros a tristeza. Depende do momento em que está passando, mas isso não importa, quando essa melodia ecoa em nossos ouvidos soa como se fosse um pássaro a cantar em plena manhã com o seu breve cantarolar, trazendo uma paz interior cheio de resplendor e alegria para acalentar os nossos corações.



" Um povo que sabe cantar está a um passo da felicidade.

É preciso ensinar um mundo inteiro a cantar. "

( vila Lobos )